© 2019 Desenvolvido por IN Soluções Empresariais

  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Instagram
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black LinkedIn Icon

COVID-19: QUAL O IMPACTO DESTE VÍRUS NA SUA APÓLICE DE SEGURO DE VIDA!


É de conhecimento de todos e, sem dúvida, é o assunto mais comentado nas últimas semanas que o vírus COVID-19 está se espalhando pelo mundo. Se transformou em uma Pandemia Mundial.


Hoje, dia 23 de março de 2020, já são mais de 300 mil infectados pelo mundo, sendo 100 mil novos casos somente nos últimos 4 dias. É preciso tomar medidas para controlar as novas transmissões e o isolamento foi uma destas medidas necessárias, mas que afeta diretamente na economia mundial.

O prejuízo será incalculável.

Mas não é esse o tema principal deste artigo, e sim, conscientizar a todos sobre como este vírus afeta nas suas apólices de seguros ativas, e também, para prevenir que não seja enganado(a) neste momento tão delicado.


Nos ramos patrimoniais, ou seja, seguro de automóveis, residenciais e condomínio, a presença do vírus não influencia nas coberturas contratadas para proteção ao bem material.


Alguns seguros podem auxiliar neste momento, são eles, o Seguro de D&O (Responsabilidade Civil para Administradores e Diretores), Seguro de Crédito, Seguro Garantia e Responsabilidade Civil Profissional, entre outros. Iremos abordar em um futuro próximo como eles podem auxiliar as empresas, mas hoje iremos focar no Seguro de Vida, já que é o risco que mais gera questionamento por parte da população.

“Já imaginou, se você viesse a faltar hoje e aquele seguro que paga há anos para proteção e bem estar dos seus familiares, não tivesse direito a indenização?”

Sim, esse risco existe! As apólices de seguro de vida costumam cobrir eventos relacionados ao óbito do segurado independentemente da causa, mas, muitas possuem exceção para os casos de epidemia/pandemia declaradas pelos órgãos competentes. Como é o caso do COVID-19. Essas exclusões estão expressas nas condições gerais de quase todas as seguradoras e dificilmente são informadas no momento da venda.


Algumas seguradoras se manifestaram positivamente, e, contrariando suas próprias regras, irão cobrir até mesmo nestes casos. Muitos vão alegar que se trata de um marketing estratégico, mas, não deixa de ser um ato de consideração e respeito aos seus clientes. Vale ressaltar que isso não é uma regra de mercado, e sim, exceções.


Outra pergunta muito comum é: Eu contraí o vírus COVID-19 e quero contratar meu seguro de vida em uma dessas seguradoras que irão cobrir esse risco, eu terei cobertura? A resposta é NÃO. As seguradoras trabalham com riscos, não com possíveis sinistros. Portanto, os casos já diagnosticados estarão excluídos de cobertura para morte decorrente do vírus, até mesmo nessas seguradoras.

“Não possui seguro de vida ainda?”

A contratação do seguro de vida deve ser feita de maneira consultiva e preventiva para evitar possíveis erros de contratações e negativa de indenizações.


Esse momento que estamos vivendo serve de alerta sobre o valor das nossas vidas e a importância de realizar, o quanto antes, um planejamento adequado para os possíveis imprevistos.

“Seguro de vida não é caro, caro é contratar errado pelo menor valor que seja”. 

Jefferson Nobre - Co-Founder & Partner at IN Group

14 visualizações